top of page

Governança em diversidade: estrutura, investimento e metas

Nos últimos anos, a diversidade se tornou um tema crucial nas discussões sobre o ambiente corporativo e a estratégia de pessoas. Empresas de variados setores estão reconhecendo a importância de promover um ambiente de trabalho diverso, e a forma como elas se estruturam para esse trabalho varia de acordo com seu perfil e nível de maturidade no tema.

Estrutura para o trabalho de diversidade
Segundo a nossa pesquisa de diversidade de 2022, 62,5% das empresas já têm uma área ou pessoa dedicada ao trabalho de diversidade na organização. Essa estruturação é fundamental para garantir que as políticas e práticas relacionadas à diversidade sejam implementadas e direcionadas de forma eficaz e contínua. Ao designar recursos específicos e responsabilidades claras, as empresas demonstram um compromisso tangível com a diversidade para seu público interno e externo.

Investimentos em ações de diversidade
Outro dado relevante da pesquisa é que 50,2% das empresas possuíam um orçamento exclusivo para ações relacionadas à diversidade. Isso demonstra que as empresas estão reconhecendo a necessidade de investir financeiramente nessa área. No entanto, é importante não apenas ter um orçamento dedicado, mas também utilizá-lo de maneira estratégica e eficiente, direcionando recursos em ações que demonstrem efetividade e alcance dos objetivos.

Metas para alta e média liderança
A pesquisa também revelou que muitas empresas estabeleceram metas para aumentar a diversidade em diferentes níveis hierárquicos. Por exemplo, 35% das empresas estabeleceram metas para a alta liderança e 41% para a média liderança.
No entanto, é preocupante que 41% das empresas não tenham aplicado metas específicas. As metas existem, mas em 66,5% dos casos não influenciam em bônus ou avaliações de desempenho, tornando a iniciativa mais teórica e com possivelmente pouco engajamento e resultado.

A estrutura e o investimento que as empresas vêm alocando em diversidade evidencia os esforços e comprometimento com o tema, mas também fica claro que essas ações por si só não refletirão resultados sem o devido engajamento e compromisso da média e alta liderança. Metas ainda podem fazer a diferença nessa evolução e devem fazer parte de avaliações e análises de desempenho.

A nova edição do nosso mapeamento da diversidade está no ar e busca entender as mudanças de governança realizadas pelas empresas nesses últimos 2 anos. Participe aqui e receba seu acesso gratuito à plataforma com os dados!




コメント


コメント機能がオフになっています。
bottom of page